terça-feira, 23 de agosto de 2016

‘Comenda Honestino Guimarães’ – Mauri Lemes parabeniza Eliane Pinheiro



Presidente do PSDB de Uruaçu, Mauri Lemes registra parabéns perante a deputada estadual Eliane Pinheiro (PMN) (foto mais acima), que na manhã de 23 de agosto foi homenageada com a Comenda Honestino Guimarães, mais expressiva honraria do Brasil sobre a juventude. “Neste dia, eu não poderia deixar de parabenizar a nossa amiga deputada Eliane Pinheiro pela homenagem recebida da Secretaria de Estado de Governo, quando foi agraciada diretamente pelo governador [de Goiás] Marconi Perillo [PSDB], que tanto incentiva a juventude, não só de Goiás, mas do Brasil”, comenta o líder político (foto acima).
Na cerimônia, realizada no auditório Mauro Borges do Palácio Pedro Ludovico Teixeira, na capital Goiânia, outras 78 mulheres foram homenageadas. Ocasião também em que a nova diretoria do Conselho Estadual da Juventude de Goiás (CEJ) foi empossada pelo governador. A nova presidente é Aava Santiago Aguiar. Da mesma forma, a pasta estadual assinou convênio com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Goiás (Sebrae Goiás), para capacitação de usuários do programa Passe Livre Estudantil.

(Jota Marcelo. Fotos: Márcia Cristina/JC)

Para Marconi Perillo, a juventude ajudará construir tempos melhores para o Brasil

Entre as 79 homenageadas com a Comenda Honestino Guimarães, a ministra Laurita Vaz – Foto: Leo Iran

Marconi Perillo: “A juventude é uma fonte inesgotável de alternativas, de soluções e de inovações” – Fotos: Márcia Cristina/Jornal Cidade
Secretária Raquel Teixeira: juventude está inserida em várias ações do Governo de Goiás

Tayrone Di Martino: “O nosso governador não deixa de acompanhar as ações de interesse da juventude e ele nos dá condições para que possamos desenvolver as atividades” – Foto: Leo Iran

Para Aava Santiago Aguiar, presidente do Conselho, o governador trabalha para a juventude

...Também agraciadas com a Comenda, a deputada estadual Eliane Pinheiro (esq.) e Ana Carla Abrão (secretária da Fazenda)

Nova diretoria do Conselho Estadual da Juventude de Goiás (agora presidido por Aava Santiago Aguiar) foi empossada pelo governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), que também entregou, juntamente com Tayrone Di Martino Gomes (secretário de Estado de Governo), a Comenda Honestino Guimarães a 79 mulheres.

O governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), disse na manhã deste 23 de agosto, que “a juventude é quem vai nos ajudar a construir tempos melhores para o Brasil”. A avaliação foi feita durante posse da nova diretoria do Conselho Estadual da Juventude (CEJ), entrega de Comenda Honestino Guimarães – honraria voltada para pessoas que se destacam no desenvolvimento de políticas públicas para juventude –, e assinatura de convênio com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Goiás (Sebrae Goiás), para capacitação de usuários do programa Passe Livre Estudantil.
O Jornal Cidade ouviu Aava Santiago Aguiar, que externou estar, a partir de agora, habilitada para desenvolver amplo trabalho em favor da juventude, na condição de presidente, enaltecendo que os demais diretores são fundamentais para ajudarem no desenvolvimento das atividades – para ela –, possíveis face a visão do governador, que apoia as iniciativas. Solicitada para enviar uma mensagem à juventude do Norte goiano, ela salientou que os jovens de Uruaçu e de toda região devem se sentir inseridos nos projetos do órgão. “O Conselho é estadual e é de todos, inclusive da querida juventude do Norte, que eu conheço”.
Atendendo o JC, Tayrone Di Martino ressaltou que integralmente os atos da cerimônia foram relevantes e que a iniciativa mostra o quanto o Governo de Goiás tem compromisso com a classe jovem. “O nosso governador não deixa de acompanhar as ações de interesse da juventude e ele nos dá condições para que possamos desenvolver as atividades. Bom exemplo disso é a parceria com o Sebrae. A Comenda é uma honraria entregue com satisfação e todas as mulheres aqui hoje foram merecedoras de recebê-la”.
Já Raquel Teixeira, secretária estadual de Educação, Cultura e Esporte, disse ao JC que a juventude está inserida em várias ações do Governo de Goiás e, que essa valorização se estende para crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos. Segundo Raquel Teixeira, a juventude é uma parcela importante para a transformação do mundo para melhor. Sobre o fato de a ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Laurita Vaz, destacar no evento o quanto é vital valorizar as crianças, os adolescentes e a juventude, Raquel Teixeira pontuou que as áreas da educação, da cultura e do esporte contribuem com a causa.

‘Fonte inesgotável’
O evento, realizado no auditório Mauro Borges do Palácio Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia, homenageou 79 mulheres com a honraria, entre elas a ministra Laurita Vaz, que assume a presidência da Corte dia 1º de setembro, 17h30; a desembargadora do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-GO/18ª Região), Elza Cândido da Silveira; e, a juíza da 10ª Vara Criminal, Placidina Pires (veja lista completa abaixo).
Marconi Perillo afirmou que a juventude ativa no mundo faz a humanidade progredir e nenhuma crise será definitiva. “A juventude é uma fonte inesgotável de alternativas, de soluções e de inovações.”
Ele destacou que a posse da nova diretoria do CEJ ocorre no dia em que o ex-governador Henrique Santillo, responsável pela criação da entidade, na década de 1980, completaria 79 anos. “O Conselho foi criado pelo doutor Henrique Santillo. Ainda jovem naquela época, reivindiquei muito por isso. Fui vice-presidente e depois presidente. Fico feliz de hoje estar aqui dando posse a essa nova diretoria”, disse.
O governador lembrou que o Conselho, desde sua refundação, em 2012, tem atuado ativamente no fomento ao ensino, ao trabalho e à cultura entre os jovens e desejou que a nova diretoria continue a colaborar com o desenvolvimento de Goiás, por  meio de políticas públicas voltadas para o aprimoramento desta importante parcela da população.

Comenda
Sobre a Comenda Honestino Guimarães, o governador disse ter especial afeição por essa honraria, porque homenageia um grande goiano e celebra o esforço de pessoas em prol da juventude. “Nessa edição, a comenda será entregue apenas a mulheres, figuras exemplares para a nossa sociedade”, disse. Marconi Perillo destacou a presença da ministra Laurita Vaz, goiana de Trindade, entre os homenageados.
Laurita, por sua vez, elogiou o governador pela homenagem às mulheres que trabalham em prol da juventude. “O Estado promove um ato de justiça social com isso. A promoção da mulher sempre fez parte da minha carreira. Na adolescência fui procurada por um grupo de donas de casa, em Trindade, que queriam aprender a ler e a escrever. Muitas lograram êxito em suas carreiras. Ao longo da minha história, no Ministério Público [MP] goiano, lutei pela efetivação dos direitos da mulher”, disse.
A ministra ainda comentou que compartilha a comenda recebida das mãos de Marconi Perillo com as mulheres que promovem lutas diárias em prol da juventude. “A situação do jovem no País pode melhorar mais. Sabemos que muitos se perdem pela vulnerabilidade social. Mas a atuação dessas mulheres salva a vida de milhares”, afirmou.
A nova presidente do Conselho da Juventude, Aava Santiago Aguiar, primeira mulher a assumir o Conselho, disse que Marconi é o governador dos jovens. “O governador faz de Goiás referência para o Brasil e para o mundo. É um governador que trabalha para a juventude. Não tem protocolos e é bastante acessível às demandas da juventude”, disse.
Bruno Moreira Santos (Bruno Julio), secretário nacional da Juventude, também compôs mesa.

Passe livre
Os usuários do Passe Livre Estudantil terão acesso à capacitação profissional inédita no País. Marconi Perillo assinou convênio entre o Governo de Goiás, Sebrae e Conselho, pelo qual todo beneficiário do Passe Livre matriculado no ensino médio estadual terá disponíveis cursos de capacitação e empreendedorismo juvenil. O programa beneficiará diretamente 10 mil estudantes e é o único do País que vincula o benefício à capacitação profissional.
Igor Montenegro, presidente do Sebrae Goiás, compôs mesa.

79 homenageadas
01 Aline Barbosa de Sousa
02 Ana Carla Abrão Costa
03 Ana Claudia Ferreira Reis Corrêa
04 Ana Cristina de Souza Dias
05 Ana da Silveira Gomes
06 Angela Betania Dias de Souza
07 Arlete Mesquita
08 Avenilma de Lourenzo Freitas
09 Bianca Souza Ferreida da Silva
10 Bruna Priscilla dos Santos
11 Cirene Aires Valadão
12 Clefis Pereira da Rocha Xavier
13 Clelia Maria Vecci
14 Cristina Gonçalves Rezende
15 Dallas Mendes da Silva Cardoso
16 Damiana Antônia Coelho
17 Darlene Liberato de Souza
18 Debbora de Queiroz
19 Deborah Sousa
20 Eliana Maria França Carneiro
21 Eliana Sarto Frota
22 Eliane Aparecida de França Souza
23 Eliane Pinheiro
24 Elizangela Guimaraes Xavier
25 Elza Cândido da Silveira
26 Eva Assis Cavalcante Albuquerque
27 Eva Geni Martins
28 Flavia Cruvinel de Oliveira
29 Adriana de Oliveira David
30 Giovana Ferro Moraes
31 Gricélia Geralda Nascimento Fernandes
32 Helcia Daniel da Silva
33 Idalisa de Sousa Lima Brasil
34 Ivone Silva
35 Jacira Carvalho da Silva Torres
36 Jadir Alves de Andrade
37 Janine Gomes de Gouveia Coelho
38 Lacildes Zenis da Silva Melo
39 Lamis Cosac
40 Larissa Leão Guimarães
41 Laudelina Inácio
42 Laura Schertel Ferreira Mendes
43 Laurita Hilário Vaz
44 Lilliam Sandra Novais Gondim
45 Luana de Almeida Pires Santos
46 Luz Marina de Alcântara
47 Manoela Gonçalves Silva
48 Maria Amelia Coelho de Souza Castro
49 Maria Aparecida Garcez Henrique
50 Maria Beatriz Ribeiro de Lúcia
51 Maria das Dores Dolly Soares
52 Maria das Graças Bueno da Silva
53 Maria dos Remedios da Silva
54 Maria José das Neves Duarte
55 Maria Olinda Barreto
56 Mariângela Muniz Vasconcelos
57 Marli de Souza Lacerda
58 Mathia Rodrigues da Cunha
59 Meire Rosemary Freitas Valle
60 Nanci Moreira Arataque Duarte
61 Neire Divina Mendonça
62 Nuria Micheline Meneses Cabral
63 Oscalina Maria de Jesus Nascimento
64 Placidina Pires
65 Priscilla Kelly de Sousa Machado
66 Regina Maria Costa Abreu
67 Rosana Maria Ferreira Borges
68 Rosany Rodrigues da Cunha
69 Ruze Maria Rosa Reis
70 Sara Cristina Rocha dos Santos
71 Solange da Mata Neves
72 Solange Eliane da Silva Gonçalves
73 Suelma Candido Oliveira da Silva
74 Tereza Daniela Nunes Ferreira Magre
75 Thais Moraes de Sousa
76 Thatiane Deândhela
77 Tizuko Iwamoto Valadares
78 Vilma Marques de Oliveira
79 Wanda Ribeiro da Costa e Silva

(Informações, sob adaptações e acréscimo de dados da Redação do Jornal Cidade: Gabinete de Imprensa do Governador de Goiás)


segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Mauri Lemes: ‘Temos grandes e importantes quadros, comprometidos em ajudar a nossa cidade’


De Mauri Lemes (foto), presidente do PSDB de Uruaçu: “Eu apoio a chapa Valmir Pedro/doutor Juarez e todos os candidatos a vereador de nossa coligação geral. Temos grandes e importantes quadros, comprometidos em ajudar a nossa cidade. Até vejo que algumas pessoas ocupam tempo provocando o Valmir Pedro, mas homem sério que é, ele tem a sabedoria, educação e elegância de compreender que em uma campanha eleitoral o brilho pessoal causa ciúmes”.
Falando ao Jornal Cidade, na noite da convenção do PSDB e das siglas aliadas, em 5 de agosto, Mauri Lemes avaliou: “A campanha deve ser pautada na seriedade e espero ver em todo participante e cidadão o espírito de paz, com cada um exercendo o direito democrático”. – Foto: Márcia Cristina

(Jota Marcelo)

domingo, 21 de agosto de 2016

'La Supplication' é o grande vencedor do 'Fica 2016'

Secretária Raquel Teixeira na premiação do 18ª Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental 2016 – Fotos: Flávio Isaac/Divulgação

Premiação do Fica 2016: reconhecimento para diversas obras

Promovido pelo Governo de Goiás, Fica é um evento de renome internacional

A reportagem traz a lista completa dos vencedores

O documentário La Supplication, que conta de forma sensível os trágicos relatos dos sobreviventes da maior catástrofe ambiental do século 20 – o acidente nuclear de Chernobyl –, foi o grande vencedor do Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental 2016 (Fica 2016). O longa-metragem do diretor Pol Cruchten, de Luxemburgo, conquistou o júri do maior festival de cinema ambiental da América Latina e venceu o Troféu Cora Coralina, que garante o prêmio de R$70 mil.
O júri entendeu que a visão poética do filme transcende o relato denso e bruto dos fatos narrados pelo filme e leva o público a repensar o desenvolvimento a todo custo. O troféu foi entregue pela secretária estadual de Educação, Cultura e Esporte Raquel Teixeira e, os realizadores foram representados por Mário Branquinho, da Green Film Network.
Em cerimônia de encerramento realizada no fim da tarde do domingo 21 de agosto, foram anunciados os vencedores da 18ª edição do festival, que distribuiu R$280 mil em prêmios. Além do filme luxemburguês, o outro destaque da premiação foi o longa goiano Taego Ãwa, dos irmãos Marcela e Henrique Borela, que venceu o prêmio do júri popular de melhor filme, com o Troféu Luiz Gonzaga Soares, e o de melhor produção goiana, com o Troféu João Bennio.
Ao todo foram 350 produções inscritas no festival, sendo 173 deles filmes nacionais. Entre eles, 22 foram escolhidos pelo júri de seleção e exibidos ao longo da última semana durante a Mostra Competitiva do Fica 2016, resultando em sete premiações finais.

‘Mostra ABD Cine Goiás’
A noite também foi de entrega de prêmios para os cineastas goianos que participaram da 14ª Mostra ABD Cine Goiás. O destaque da edição foi o filme Jonatas, do diretor Getúlio Ribeiro. O curta recebeu quatro prêmios: o de melhor ator, que foi para Jonatas Borges, melhor roteiro, melhor ficção e melhor som. Inclusive, um dos destaques da cerimônia foi o profissional de áudio Vasconcelos Neto, que recebeu o prêmio de melhor som pelos filmes Jonatas, Tereza Bicuda e Leblon Marista.
A Mostra selecionou 17 produções locais, sendo seis documentários, seis curtas de ficção, três experimentais e duas animações. Foram distribuídos R$120 mil, divididos em 13 categorias, celebrando esta, que é a 14ª Mostra da seção Goiás da ABD e seu 5º Laboratório Permanente de Roteiros e Projetos.

‘Se Liga no Fica’
Após a cerimônia de entrega dos prêmios oficiais do Fica 2016, também foram apresentados os vencedores do projeto Se Liga no Fica, que realizou oficinas comunitárias de audiovisual em 11 escolas da cidade de Goiás, sede do evento. A ação foi uma parceria entre a Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esporte (Seduce) por meio de sua Subsecretaria Regional de Educação, Cultura e Esporte de Goiás, o Instituto de Desenvolvimento Econômico e Socioambiental (Idesa) e o Instituto Federal de Goiás (IFG).
Os jurados do projeto destacaram que a relação entre o cinema e a escola é fundamental e deve ser intensificada, e que todos os participantes merecem reconhecimento pela participação, com protagonismo dos estudantes em todo o processo. Por causa disso, os três filmes destacados pelo júri foram Plantar, cuidar e colher, da Escola Lar São José; Esquadrão Cerrado, do Colégio Estadual Dom Abel; e, Água que te quero água, da Escola Estadual Mestre Nhola. A premiação foi seguida da fala de educadores, que se mostraram entusiasmados com a oportunidade de levar conhecimento prático e engajamento para as crianças.
Confira a lista completa dos vencedores:
‘Mostra Competitiva Fica 2016’
Melhor filme do Júri Popular - Troféu Luiz Gonzaga Soares (R$10 mil): Taego Ãwa
2ª Melhor Produção Goiana - Troféu José Petrillo (R$35 mil): E o Galo Cantou
Melhor Produção Goiana - Troféu João Bennio (R$50 mil): Taego Ãwa
Melhor curta-metragem - Troféu Acary Passos (R$35 mil): La Petit Pousse
Melhor média-metragem - Troféu Jesco Von Putkamer (R$35 mil): Phum Shang
Melhor longa-metragem - Troféu Carmo Bernardes (R$45 mil): Remember Your Name, Babylon
Melhor obra - Troféu Cora Coralina (R$70 mil): La Supplication

‘Premiação 14ª Mostra ABD Cine Goiás’
Prêmio de melhor ator (R$7.500): Jonatas Borges, pelo filme Jonatas
Prêmio de melhor atriz (R$7.500): Mariana Nunes, pelo filme Blaxploitation: A Rainha Negra
Prêmio de melhor trilha sonora original (R$7.500): Sankirtana, pelo filme Reincidência
Prêmio de melhor som (R$7.500): Vasconcelos Neto, por sua participação diversificada em três produções Tereza Bicuda, Leblon Marista e Jonatas
Prêmio de melhor montagem/edição (R$7.500): Fabrício Cordeiro e Luciano Evangelista, pelo filme Leblon Marista
Prêmio de melhor direção de fotografia (R$7.500): Rei Souza, pelo filme Muitos Me Seguem , Mas Só Deus Me Acompanha
Prêmio de melhor direção de arte (R$7.500): Úrsula Ramos, pelo filme E O Galo Cantou
Prêmio de melhor roteiro (R$7.500): Getúlio Ribeiro, pelo filme: Jonatas
Prêmio de melhor direção (R$12 mil): Daniel Nolasco, pelo filme Febre da Madeira
Prêmio Martins Muniz de melhor filme experimental (R$12 mil): Silêncio Não Se Escuta, de Rochane Torres e, Tive Fome Colhi Sede, de Rafael Freire
Prêmio Eduardo Benfica para o melhor filme documentário (R$12 mil): Febre da Madeira, de Daniel Nolasco
Prêmio Fifi Cunha de melhor filme de animação (R$12 mil): Vida de Boneco, de Flávio Gomes de Oliveira
Prêmio Beto Leão para o melhor filme de ficção (R$12 mil): Jonatas, de Getúlio Ribeiro

Premiação Se Liga no Fica
Escola Lar São José, com o filme Plantar, cuidar e colher. Prêmio: uma câmera fotográfica 
Colégio Estadual Dom Abel, com o filme Esquadrão Cerrado. Prêmio: um projetor de vídeo Escola Estadual Mestre Nhola, com o filme Água que te quero água. Prêmio: um kit GoPro

(Informações: Seduce – Déborah Gouthier e Jordânia Bispo)

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Uruaçu – Toninho do Peixe busca cadeira na Câmara

Toninho do Peixe, com a prefeita uruaçuense Solange Bertulino, durante convenção partidária de 30 de julho: candidato a vereador em defesa do serviço público de qualidade – Fotos: Márcia Cristina

Toninho do Peixe, que presidiu diferentes entidades: “A luta pelos direitos do povo envolve muito trabalho”

Toninho do Peixe discursa em evento da piscicultura, no ano de 2010 – Foto: Arquivo/JC

2008: Toninho do Peixe (esq.) durante evento de entrega de credenciais e, apresentação do estatuto da Colônia dos Pescadores Z-04 do Lago de Serra da Mesa – Foto: Jota Marcelo. Mais fotos: abaixo
Antônio Machado de Almeida (Toninho do Peixe) declarou oficialmente em diálogos com a direção municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) que sairia candidato a vereador por Uruaçu nas eleições de 2016 e teve boa receptividade interna e externa. A campanha eleitoral teve início dia 16 de agosto e Toninho do Peixe está nas ruas e em outros pontos apresentando propostas, debatendo ideias e pedindo votos.
Toninho do Peixe integra a coligação proporcional Juntos Chegaremos Lá (PMDB/PT), apoiadora da prefeitável Solange Bertulino (PMDB), que busca a reeleição. O PT tem outros dois candidatos a vereador.
Natural de Esperantinópolis-MA, o pescador (sempre foi) de 50 anos mudou para o Norte goiano há mais de 18 anos, quando se dirigiu a Uruaçu para permanecer uma semana, período em que avaliou ser suficiente para conhecer parte do lago Serra da Mesa e tomar conhecimentos sobre a então grande novidade surgida com o represamento para a construção da Usina Hidrelétrica da Serra da Mesa.
Ao lado, há 29 anos, tem a esposa Francisca Rios Almeida e fruto da união, quatro filhos (e um neto), uma delas formada em Enfermagem, atuando via concurso público, na cidade do Rio de Janeiro. Os demais estão estudando.
Nessa jornada como pescador e aquicultor no lago, fundou e presidiu pioneiramente três entidades: Associação dos Comerciantes e Barqueiros Artesanais do Lago Serra da Mesa (ACBALSE), em 2001. Cooperativa de Pescadores e Produtores de Peixes (2007). E, a Colônia dos Pescadores Z-04 do Lago de Serra da Mesa (2008). Colônia, presidida desde maio por Vasco Rodrigues, pois Toninho do Peixe se licenciou, conforme orientação da Justiça Eleitoral.

Atuação com qualidade
Perguntado quais são as razões centrais para idealizar a busca da vaga – primeira tentativa –, ele comenta: na condição de vereador, lutaria para que o Poder Legislativo se tornasse diferente em alguns aspectos, haja vista que a população merece e tem o direito de conviver em melhores condições, algo conquistado também através da atuação com qualidade máxima de todos os vereadores. “Não só em Uruaçu, mas todas as cidades de nosso país. Só que não é isso que vemos no Brasil, onde existem grandes desmazelas, inclusive quanto à aplicação de recursos financeiros públicos”. Comentando ser importante trabalhar visando o coletivo, o candidato destaca querer “lutar por projetos e benefícios maiores em prol da nossa comunidade, caminhando junto com o povo, buscando melhorias que resultem em qualidade de vida para cada cidadão”.
O petista revela que na Casa de Leis, entre outras lutas, gostaria de defender enfaticamente a praticidade das conquistas populares. “O que nós sempre vemos há décadas? Muito do que já foi aprovado nos Parlamentos não é executado, seja nos planos federal, estaduais ou municipais”. Para Toninho do Peixe, a realização de reuniões da Câmara Municipal nos bairros, com a comunidade, é essencial. “Com essa proximidade maior, poderíamos discutir as reais necessidades, priorizar questões detalhadas levantadas pelos cidadãos, ali, onde eles moram, para serem oficializadas, debatidas e aprovadas pelos vereadores, que precisam com ênfase maior cobrá-las junto ao Poder Executivo. Isso é resolução efetiva”.
“A luta pelos direitos do povo envolve muito trabalho”, diz, destacando ser preciso ainda: priorizar a saúde pública, especialmente os procedimentos envolvendo atenção básica, “buscando a sua promoção e prevenção”; buscar incentivos e fiscalizar ações voltadas para a área educacional, “qualificada, de forma permanente”; requisitar, fiscalizar benefícios para a moradia popular digna; promover incentivos e buscá-los para serem inseridos no âmbito de uma alimentação básica de qualidade; estabelecer melhores ações quanto ao transporte público. “Uruaçu precisa de transporte coletivo na zona urbana e, sobre o transporte escolar, seja com atuação pública direta ou através da contratação de terceiros, muito tem que melhorar, apesar de a prefeita Solange ter melhorado muito. Mas é preciso maior eficiência, pois nossas crianças da zona rural não podem deixar de ir para as salas de aula”.
A reportagem quis saber se o Brasil tem jeito. Resposta: “Sim! Sem corrupção, com tantos recursos da natureza e financeiros, o Brasil seria o melhor país do mundo”, opina Toninho do Peixe, emendando: “No Brasil, é preciso diminuir a burocracia da área pública. Quando isso acontecer, menos corrupção e burocracia reduzida, teremos melhorias em vários setores, todos eles defendidos por mim a vida toda e, claro, nesta campanha: eu defendo a saúde, a família, moradia, o incentivo ao pequeno agricultor... aquele lavrador sofrido, a piscicultura, alimentação, educação, geração de empregos e renda, a mobilidade e o transporte público, o meio ambiente, a juventude e a cultura. Não cursei faculdade, mas tenho experiência de vida. Sei muito bem o quanto tudo isso é importante para o povo”, categoriza.
                                                                                   
Área da piscicultura em Uruaçu tem lutado
Toninho do Peixe diz que o segmento da pesca artesanal e da aquicultura familiar em Uruaçu tem lutado, em meio a adversidades e sofrimentos frequentes, entre os quais a burocracia para acesso ao crédito (financiamento bancário); uma permanente qualidade da mão-de-obra dos piscicultores, “algo que poderia ser feito sempre com cursos e novas técnicas. Nós sabemos lidar muito bem com o ofício, mas todo aprendizado a mais é viável”; a falta de melhor estrutura englobando a logística produção-divulgação-comercialização; a recente mortandade de peixes no lago Serra da Mesa; a pesca predatória; a poluição provocada pelo homem; o baixo nível da água do lago; e, o fim do Ministério da Pesca e da Aquicultura, agora um braço do Ministério da Agricultura.
“Se o setor da pesca melhorar, ele ajudará ainda mais a economia do Brasil crescer, pois já faz a sua parte muito bem. Com tantas dificuldades, esse setor tem apesentado crescimento lento. Mais uma vez eu quero dizer que o potencial e o mercado da pesca, a comercialização de peixes existentes no país, é de uma dimensão enorme. Falta mesmo é uma abertura maior, precisamos de melhores oportunidades. Temos tanto peixe e o Brasil importa peixes”. Palavras de quem conhece.
Leia mais, na submatéria.


Conquistas das entidades são vitais para piscicultores
Ao longo de suas existências, a Associação dos Comerciantes e Barqueiros Artesanais do Lago Serra da Mesa (ACBALSE), a Cooperativa de Pescadores e Produtores de Peixes e a Colônia dos Pescadores Z-04 do Lago de Serra da Mesa, ambas sediadas em Uruaçu, alcançaram importantes conquistas para a categoria, cujo trabalho coletivo é desenvolvido desde 2001, com a fundação da primeira. As outras duas surgiram em 2007 e 2008.
Algo possível, devido dezenas de idas e vindas de diretores delas nos circuitos Uruaçu-Goiânia, Uruaçu-Brasília, Goiânia-Brasília, mais deslocamentos regionais, procedimentos divulgados pelo Jornal Cidade em diferentes ocasiões.

Atuação coletiva
Por meio da ACBALSE, conversações iniciais e oficiais se tornaram realidades, viabilizando tratativas em termos de convênios e afins; foi implantada a primeira unidade demonstrativa de criação de peixes em tanques-rede; promovida a qualificação das famílias para a criação e o manuseio dos peixes de criatório; e, veio a conquista do comodato de terreno – nas proximidades do lago Serra da Mesa –, para plantação, e, construção de sete casas e da sede da representação dos pescadores para famílias ribeirinhas, além de outros benefícios.
Fundada a Cooperativa, sua diretoria conseguiu de imediato a legalização do terreno, das sete casas e, da própria Cooperativa e do frigorífico (complexo industrial capaz de produzir diferentes produtos a partir do peixe). Foi conseguida aprovação de projeto para custear a ampliação do Frigorífico e a criação de peixes em tanques-rede, com verba total de R$750 mil. Mais: amplo trabalho, com atividades variadas, foi empreendido com parceiros governamentais e não governamentais.
Adveio a fundação da Colônia e, novamente, face a confiabilidade e responsabilidade da presidência e de outros diretores da mesma, várias conquistas foram possíveis no que diz respeito aos diretos dos pescadores: obtenção maior do selo de qualidade de produtos comercializados; aposentadorias; auxílio-doença; salário maternidade; e, seguro-defeso para as famílias dos pescadores (quatro salários mínimos, nos meses da piracema).
O JC apurou: nos últimos sete anos, a renda mensal do seguro e dos demais benefícios que gira dentro do comércio uruaçuense alcança valor considerável.


Pesca artesanal/aquicultura familiar enfrenta adversidades (inclusive em Uruaçu), apesar da ajuda em favor das economias municipal, estadual e federal – Foto: Arquivo/JC

Lago Serra da Mesa, praia Generosa (Uruaçu), em foto de julho/2016: baixo nível da água prejudica piscicultura – Foto: César Moreira/Foto Tocantins

(Jota Marcelo – JC Online)

terça-feira, 16 de agosto de 2016

Uruaçu – Raimundo Pedreiro não é candidato. Camilla Donegá também não é

Raimundo Pedreiro não é candidato por Uruaçu – Foto: Jota Marcelo. Mais foto, abaixo
Camilla Donegá: ‘Infelizmente muitos não pensam no coletivo, pensam apenas no benefício próprio e fazer esse tipo de política fugia completamente dos meus princípios’ – Foto: Márcia Cristina
Em Uruaçu, devido adversidades com certidão negativa e afins, Raimundo dos Santos (Raimundo Pedreiro [PPL]) deixou de se candidatar a vereador. “Ao tomar conhecimento do problema, quis saber de detalhes e a Justiça Eleitoral informou que eu devia ir até Brasília, providenciar documentos. Decidi desistir”, disse ao Jornal Cidade em 15 de agosto. Interessante: na verdade, o problema envolve é outra pessoa com o mesmo nome – Raimundo dos Santos –, mas, somados transtornos envolvendo atividades profissionais dele, locomoção e tempo exíguo que a viagem causaria, optou por adiar o sonho de ocupar cadeira na Câmara Municipal, algo que havia tentado em 2012, quando conquistou 30 votos.
“Vou apoiar para vereador o David [Damacena, do PSB], que é meu amigo e veio aqui em casa me pedir ajuda. Ele é boa pessoa, inclusive é adventista”.
De forma espontânea, Raimundo Pedreiro informou ao periódico que tem círculo de amizades nas quatro frentes políticas de Uruaçu que lançaram candidatos a prefeito. “Vou a todo lugar, participo dos eventos, faço fotos com todo mundo e por enquanto vou ficar quieto. Daqui uns 20 dias eu decidirei quem apoio para prefeito”.
Também espontaneamente, citou que diferentes fotos dele, englobando prefeitáveis, circulam em redes sociais, mas “não fechei com ninguém”.
Armindo Pereira, presidente do PPL, comentou ontem ao JC que, “de fato, o Raimundo tem problemas diante da Justiça Eleitoral e se viu impedido de registrar candidatura”. O dirigente partidário comentou se tratar de boa pessoa e que respeita a decisão que o filiado tomar em relação aos prefeitáveis.
Conforme noticiado pelo Jornal Cidade, o PPL, que tentou lançar Léo Açougueiro para prefeito, optou por apoiar Machadinho (DEM). Isso, após a desistência pessoal de Léo.

Camilla Donegá fora
Quem também deixou de concorrer a uma cadeira do Poder Legislativo uruaçuense é Camilla Donegá (DEM), tida, até então, nos bastidores, como suposta campeã de votos, no mínimo aparecendo entre os três mais votados – dos 13 disputantes.
Em texto publicado no seu perfil da rede social Facebook, ela postou o seguinte texto, aqui transcrito sem adaptações: ‘Meus amigos, conhecidos e simpatizantes que me deram um voto de confiança, e que estavam me acompanhando nesse sonho de mudança, que eu estava me esforçando para lhe tornar realidade, que era o sonho de poder fazer algo pela minha cidade! Infelizmente me surpreendi negativamente a cada dia que passava. Infelizmente muitos não pensam no coletivo, pensam apenas no benefício próprio e fazer esse tipo de política fugia completamente dos meus princípios. Então aqui comunico a todos, que desisti de ser candidata, e que continuo com a vontade de fazer algo pela minha cidade, quem sabe daqui uns anos as pessoas mudam e passem a pensar na nossa cidade como um todo. Peço que Deus abençoe a todos vocês que me apoiaram, que confiaram e que levaram meu nome adiante, mas não consigo seguir dessa maneira, é muito fora da minha realidade, e do propósito que eu tinha em fazer a mudança!! Sigo levando o nome do Machadinho e Reuder, que vejo ser a mudança para a nossa cidade, merece respeito de todos, homem de garra, que tem o desejo de fazer algo pela nossa cidade, cidade está que está abandonada e desacreditada! Confio em vocês Machadinho e Reuder, continue contando com o apoio absoluto meu e de minha família!.
Nas últimas horas da pré-campanha e nas primeiras horas de campanha eleitoral, outros vereadoriáveis de Uruaçu igualmente desistiram. Os motivos são diversos.

(Jota Marcelo)

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

‘Esta missa é uma bênção para começarmos bem mais uma semana de muito trabalho’, diz Marconi em Rubiataba

Marconi (esq.) agradece o trabalho dos líderes religiosos Orani e Adair José em prol da fé e das boas obras católicas em favor de Goiás e do Brasil – Fotos: Divulgação/Governo de Goiás






O governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), participou na manhã de 15 de agosto, em Rubiataba, da missa em comemoração ao Dia de Nossa Senhora da Glória, celebrada pelo cardeal arcebispo do Rio de Janeiro, d. Orani Tempesta, e pelo titular da Diocese de Mozarlândia-Rubiataba, d. Adair José Guimarães. Marconi agradeceu o convite para participar da cerimônia religiosa: “Uma bênção para começar mais uma semana de trabalho” à frente do Governo de Goiás.
“Esta missa é uma bênção para começarmos bem mais uma semana de muito trabalho. Estamos em uma celebração religiosa muito especial para Goiás e o Brasil”, disse o governador. Acompanhado pelo secretário de Governo, Tayrone Di Martino, Marconi agradeceu o trabalho religioso realizado por d. Orani e d. Adair.

Para Marconi, d. Adair é um 'homem de muita unção'
O chefe de estado aproveitou para testemunhar que d. Adair orou pelo esclarecimento e em prol das apurações envolvendo a busca de Thiago Henrique, apontado pelas mortes de diversas mulheres em Goiânia. “Oramos, e ao final ele disse que no mais tardar em dois dias a polícia chegaria ao acusado”, relatou o governador, referindo-se d. Adair José, a quem definiu como um “homem de muita unção”.
O governador também agradeceu aos eclesiásticos católicos pelo convite para participar de uma “belíssima missa”, que marca as comemorações do Dia de Nossa Senhora da Glória. A missa contou com a participação de 16 padres de municípios do Vale do São Patrício e cristãos católicos da região.
O governador fez da participação e acompanhamento das cerimônias religiosas tradição em suas quatro gestões. Segundo Marconi, a valorização das tradições cristãs “é melhor forma de enaltecer e preservar a história de Goiás e dos goianos, população de muita fé em todas suas manifestações religiosas”.

(Informações, sob adaptações: Gabinete de Imprensa do Governo de Goiás)