quinta-feira, 11 de outubro de 2018

Machadinho: ‘Sempre respeitei e nunca respondi ao meu pai’

Mauro Machado Guimarães: dedicado profissional do agronegócio – Imagem: Reprodução/rede social

Informando sempre ter respeitado, honrado e amado o pai Mauro Machado Guimarães, falecido pouco mais das 16h de 10 de outubro, após 38 dias internado em unidade hospitalar da capital Goiânia, Azarias Machado Neto (Machadinho) comenta jamais ter-lhe faltado com o respeito, da mesma forma com a mãe Neuza Duarte Machado (Dona Neuza). “Já sofri em muitos momentos assim [perdas de pessoas próximas], mas, desta vez não tem comparação! Cada pessoa sabe o sentimento que tem e eu sempre amei o meu pai”, disse emocionado ao Jornal Cidade.
Nascido em 30 de agosto de 1937, Seo Mauro lidou com empreendimentos do agronegócio em diferentes regiões de Goiás. Além de Machadinho, o casal teve as filhas Viviane de Cássia Machado Cotrim e Liliana Aparecida Machado Santana.
O velório ocorre em Itumbiara, cidade do Sul goiano e o sepultamento está agendado para 13h30, no cemitério Avenida da Saudade.

Emoção
No vídeo gravado na capital e postado dia 30 de setembro, em redes sociais, Machadinho relembrou estar com o pai internado.
“Tenho tentado estar aí e aqui ao mesmo tempo. Peço perdão às pessoas de Uruaçu que eu não consegui visitar. Está sendo muito difícil pra mim estar na política, imaginado que meu pai está doente e precisando de mim. Tenho ficado dividido. Gostaria que ele estivesse aqui, comigo. Me dando forças nessa campanha pra que eu pudesse ter todo o tempo do mundo para meu povo de Uruaçu e cidades vizinhas. Me perdoem...”.
Vídeo está disponível abaixo.

35 anos de Uruaçu
Com negócios em Uruaçu, Niquelândia (cidade vizinha) e outros centros, Machadinho é morador de Uruaçu há 35 anos.
Novo na cena política, Machadinho se candidatou a prefeito em 2016, ficando na segunda colocação, somando 8.073 votos (36,84% dos votos válidos). Nas eleições 2018, foi candidato a deputado estadual pelo Podemos, ganhando 10.060 votos, dos quais 7.070 dentro de Uruaçu. Pela coligação A Mudança é agora IV (que também teve o PRP), Machadinho ficou na terceira suplência.
O vídeo pode ser visto aqui: https://www.facebook.com/azarias.machado.798.

(Jota Marcelo)

domingo, 7 de outubro de 2018

Após liderar, a vitória – Ronaldo Caiado ganha Governo de Goiás com folga

Ronaldo Caiado: aos 69 anos, eleito governador de Goiás. Em imagem de 5 de outubro dentro de Uruaçu, de braços dados entre os aliados de primeira hora Machadinho (esq.) e Ozires Ribeiro Silva – Fotos: Divulgação/Assessoria de Machadinho

Caiado afirma que mudará práticas administrativas do grupo que domina Goiás desde 1999 – Foto: Divulgação/Assessoria

Também em Uruaçu dia 5, Caiado ladeado por José Nelto (Podemos [deputado estadual, agora eleito deputado federal]) (esq.), Machadinho e Ozires Ribeiro Silva

Casal uruaçuense Márcia Pedrosa/Machadinho (candidato a deputado estadual, atendendo pedido do agora governador eleito): defesa e trabalho em favor de Ronaldo Caiado. Machadinho é aniversariante da segunda 8 de outubro

Caiado, após votar em Nova Crixás, no 7 de outubro – Foto: Divulgação/Assessoria

Durante coletiva, governador eleito comentou que espera rapidamente pelas tratativas de transição – Foto: jornal O Popular (Goiânia-GO)


Bom deputado federal e bom senador, defensor e praticante da moralidade, o senador Ronaldo Caiado (Democratas) foi eleito governador de Goiás em 7 de outubro, com 1.773.185 votos (59,73% dos votos válidos). Desde as primeiras pesquisas de opinião pública, ele aparecia com vantagem grande em relação aos concorrentes. Vitória folgada, já no primeiro turno. Outros 12 governadoriáveis se elegeram sem necessidade da disputa do segundo turno, realidade que ocorrerá na data 28 de outubro, em mais 15 Unidades Federativas, mais a disputa presidencial, com Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT).
Ozires Ribeiro Silva preside o Democratas em Uruaçu, sede do Jornal Cidade e, base eleitoral de Machadinho (Democratas), candidato a deputado estadual que obteve 10.063 votos (leia mais sobre ele, adiante). Com o objetivo de ajudar Uruaçu e atendendo pedido do agora eleito governador, Machadinho se lançou candidato a uma das quarenta e uma cadeiras da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás. Fieldade é isso!
O vice-governador eleito é Lincoln Tejota (Pros), na atualidade deputado estadual.
Natural de Anápolis, médico ortopedista (com especialização em cirurgia da coluna), empreendedor rural e professor, Caiado atuou na Câmara Federal nas legislaturas 1991-1995, 1999-2003, 2003-2007, 2007-2011 e 2011-2015. No Senado, desde fevereiro de 2015, vai renunciar para assumir a gestão estadual, com o primeiro suplente Luiz Carlos do Carmo (PMDB) ficando com a vaga. Nas eleições 1989, Caiado concorreu ao cargo de presidente da República. Na de 1994, concorreu ao Governo de Goiás.
Casado com a advogada Maria das Graças Landim Carvalho Caiado (Glorinha Caiado), tem quatro filhos: Maria, Marcela, Anna Vitória e Ronaldo Caiado Filho.
Após a confirmação da vitória, Ronaldo Caiado concedeu entrevista coletiva, quando destacou, entre outras particularidades:
-Será o governador de todo o Estado. “No nosso Governo não terá espaço para divisão. Saberei respeitar a oposição”, disse, adiantando que dialogará, inclusive com a oposição, portando conteúdos, dados e informações.
-Sobre a transição, informou ter solicitado, durante ligação telefônica recebida do atual governador, José Eliton (PSDB) – antes mesmo da totalização da votação –, o mais rápido possível a formação de equipe de transição (por parte da gestão de hoje). Caiado frisou ser vital ele e sua equipe transitória lidarem com atitudes antes de 31 de dezembro tendo processo de conhecimentos da realidade fiscal do Estado e de áreas relevantes.
-Argumentado sobre composição (citar nomes) da equipe governamental ou parte dela, ponderou que não passa o carro na frente dos bois. “Mas isso será pautado por mim a partir de 8 de outubro”.
Entre as prioridades da gestão do governador eleito – que sempre salientou ser homem com os pés no chão e aguardar com humildade o resultado das urnas –, consta a ideia de mudar, em definitivo, práticas administrativas do grupo que domina o Estado faz duas décadas. Na submatéria, outras informações da coletiva.
O segundo colocado, Daniel Vilela (MDB), foi votado por 479.180 eleitores (16,14% dos votos válidos), enquanto José Eliton ficou em terceiro, obtendo 407.507 sufrágios (13,73% dos votos válidos).
Os outros disputantes: Kátia Maria (PT), arrebatando 271.807 confianças nas urnas (9,16% dos votos válidos); Weslei Garcia (PSOL), 26.020 (0,88%); Marcelo Lira (PCB), 6.534 (0,22%); e, Alda Lúcia (PCO), 4.500 (0,15%).
Os votos brancos somaram 182.447 (5,13%), enquanto os nulos totalizaram 402.526 (11,33%). Abstenção: 899.328 (20,20%). O comparecimento foi de 3.553.706 votantes (79,80%). Votos válidos: 2.968.733 (83,54%)

Uruaçu e Norte sem deputado
A desunião dos concorrentes; e, a diversidade na preferência do eleitorado (algo democrático, uma liberdade saudável) para o Poder Legislativo estadual fez Uruaçu permanecer, infelizmente para o reduto, sem eleger alguém.
Machadinho, morador de Uruaçu há mais de três décadas, ganhou a confiança de 10.063 eleitores (0,33% dos votos válidos).
Eliane Pinheiro (PSDB), aliada do prefeito Valmir Pedro (PSDB) e que fixou residência na cidade (tem gente que concorda com tal afirmação e tem gente que discorda dessa afirmativa), conseguiu 24.484 (0,79%).
Dhone Rodrigues (SD), 1.173 (0,04%).
Xuxa (PSL) somou 665 (0,02%).
Doutor Cláudio Brandão (PMB), que reside em Goiânia (existe a possibilidade de ele se lançar candidato a vereador pela capital, em 2020), mas de ligação com a cidade Pássaro Grande, recebeu votação de 1.234 eleitores (0,04%).
Júlio da Retífica (PTB) contabilizou 18.789 (0,61%).

Senado
Para o Senado, um aliado de Caiado e um de Daniel Vilela foram eleitos: Vanderlan Cardoso (PP) (recebeu 1.729.637 [31,35% dos votos válidos]) e Jorge Kajuru (PRP) (somando 1.557.415 [28,23% dos votos válidos]).
Em seguida, ficaram:
Wilder Morais (DEM) - 14,43% - 796.387
Lúcia Vânia (PSB) - 9,42% - 519.691
Marconi Perillo (PSDB) - 7,55% - 416.613
Agenor Mariano (MDB) - 3,56% - 196.614
Professora Geli (PT) - 2,41% - 132.773
Luis César Bueno (PT) - 1,84% - 101.743
Fabrício Rosa (PSOL) - 0,83% - 45.833
Professora Magda Borges (PCB) - 0,37% - 20.623
Santana Pires (Patriota) - 0,00% - 0 (sob problema judicial)
Professor Alessandro Aquino (PCO) - 0,00% - 0 (sob problema judicial)

Chapas proporcionais
Os 17 deputados federais vitoriosos por Goiás nas urnas são os listados a seguir, dos quais sete reeleitos, mais dez novatos:
Delegado Waldir Soares (PSL) (reeleito): 274.406 votos (9,05% dos votos válidos)
Flávia Morais (PDT) (reeleita): 169.774 (5,60%)
Dr. Zacharias Calil (Democratas): 151.508 (5,00%)
Francisco Jr (PSD): 111.788 (3,69%)
João Campos (PRB) (reeleito): 106.014 (3,50%)
Glaustin da Fokus (PSC): 100.437 (3,31%)
José Mário Schreiner (Democratas): 96.188 (3,17%)
Magda Mofatto (PR) (reeleita): 88.894 (2,93%)
Professor Alcides (PP): 88.545 (2,92%)
Rubens Otoni (PT) (reeleito): 83.063 (2,74%)
Lucas Vergilio (SD) (reeleito): 78.431 (2,59%)
Adriano do Baldy (PP): 77.729 (2,56%)
Elias Vaz (PSB): 74.877 (2,47%)
Célio Silveira (PSDB) (reeleito): 70.663 (2,33%)
Alcides Rodrigues (PRP): 64.941 (2,14%)
José Nelto (Podemos): 61.809 (2,04%)
Major Vitor Hugo (PSL): 31.190 (1,03%)

Seis não foram reeleitos: Fábio Sousa (PSDB), Jovair Arantes (PTB), Marcos Abrão (PPS), Giuseppe Vecci (PSDB), Roberto Balestra (PP) e Sandes Júnior (PP).
Além de Daniel Vilela, outros quatro não se candidataram novamente para a Câmara dos Deputados: Pedro Chaves (PMDB) (eleito primeiro suplente de Vanderlan Cardoso), Alexandre Baldy (PP) (licenciado, com Sandes na titularidade da cadeira), Heuler Cruvinel (PP [ele se lançou vice-governador de Daniel]) e Thiago Peixoto (PSD).

Assembleia
Os 41 candidatos a deputado estadual eleitos para a Assembleia Legislativa do Estado de Goiás são:
Henrique César (PSC)
1,51%
46.545

Jeferson Rodrigues (PRB)
1,48%
45.605

Diego Sorgatto (PSDB)
1,34%
41.362

Paulo Cezar Martins (MDB)
1,33%
40.970

Delegada Adriana Accorsi (PT)
1,27%
39.283

Doutor Helio de Sousa (PSDB)
1,26%
38.788

Major Araújo (PRP)
1,24%
38.278

Lissauer Vieira (PSB)
1,22%
37.550

Chico KGL (Democratas)
1,20%
37.048

Antônio Gomide (PT)
1,20%
36.998

Doutor Antônio (Democratas)
1,19%
36.683

Cláudio Meirelles (PTC)
1,18%
36.502

Talles Barreto (PSDB)
1,18%
36.456

Lêda Borges (PSDB)
1,14%
35.040

Bruno Peixoto (MDB)
1,12%
34.655

Humberto Aidar (MDB)
1,03%
31.873

Tião Caroço (PSDB)
1,02%
31.407

Alysson Lima (PRB)
1,00%
30.868

Virmondes Cruvinel (PPS)
0,99%
30.576

Wilde Cambão (PSD)
0,97%
29.853

Gustavo Sebba (PSDB)
0,95%
29.286

Rubens Marques (Pros)
0,90%
27.763

Delegado Humberto Teófilo (PSL)
0,85%
26.252

Iso Moreira (Democratas)
0,81%
24.963

Amauri Ribeiro (PRP)
0,81%
24.922

Lucas Calil (PSD)
0,78%
23.994

Álvaro Guimarães (Democratas)
0,77%
23.788

Rafael Gouveia (DC)
0,76%
23.466

Delegado Eduardo Prado (PV)
0,68%
20.845

Henrique Arantes (PTB)
0,67%
20.556

Zé Carapô (DC)
0,63%
19.583

Charles Bento (PRTB)
0,60%
18.626

Cairo Salim (Pros)
0,60%
18.579

Vinicius Cirqueira (Pros)
0,57%
17.698

Paulo Trabalho (PSL)
0,55%
16.957

Amilton Filho (SD)
0,53%
16.486

Karlos Cabral (PDT)
0,52%
15.941

Thiago Albernaz (SD)
0,47%
14.561

Wagner Neto (Patriotas)
0,46%
14.256

Júlio Pina (PRTB)
0,43%
13.148

Coronel Adailton (PP)
0,38%
11.616

(Jota Marcelo. Com atualizações e acréscimo de conteúdo. Colaborou: Isomar Lopes. Leia mais, abaixo)


‘A eleição é o primeiro passo e valerá a pena quando o Estado estiver recuperado’, diz Caiado

Em informações da Assessoria de Comunicação de Ronaldo Caiado (Democratas), candidato eleito governador de Goiás no primeiro turno com quase 60% dos votos válidos, após 34 dias de campanha com participação intensa do povo goiano, ele esclarece: “Esse é um primeiro passo, agora é uma caminhada longa”.

Ronaldo Caiado, em fotos de encontro com militância na noite de 7 de outubro, após a confirmação da vitória no pleito eleitoral – Fotos: Divulgação









O anapolino Ronaldo Ramos Caiado (Democratas) foi eleito, em primeiro turno, governador de Goiás no domingo 7 de outubro, com 59,73% dos votos válidos, 1.773.090 votos. O resultado das urnas de hoje reflete os 34 dias de campanha em que Caiado e os integrantes da coligação A Mudança é Agora percorreram o Estado e viram de perto o sentimento da população por mudança. Nesse período em carreatas, caminhadas, reuniões, entrevistas e comícios o agora governador eleito viu o povo do Estado abraçar sua campanha e clamar por uma Administração com transparência, combate à corrupção e foco nas necessidades do cidadão goiano. Ele destacou que a eleição é apenas uma primeira etapa e esse trabalho será concluído ao final do seu mandato quando o goiano conviver com um Estado recuperado.
“Imaginem a honra de poder governar o meu Estado de Goiás. Não tem nada que tenho tanto lutado para poder chegar numa hora dessa. Tenho certeza absoluta, isto apenas é o começo  de um caminho porque o resultado será avaliado por todos os goianos no último dia do meu mandato. Aí, eu terei realizado 100% o meu sonho. Não é apenas ganhar uma campanha eleitoral, é poder chegar ao final de quatro anos e o goiano poder dizer: ‘Valeu a pena, Caiado’. É deixar com muita clareza. Esse é um primeiro passo, agora é uma caminhada longa. E para essa caminhada eu vou precisar de você, goiano, você goiana, vocês que moram no Estado de Goiás que acreditem no Governo. Ninguém governa sozinho. Eu preciso de você para que nós possamos mudar o Estado de Goiás. Servidores públicos e a população do nosso Estado”, destacou na primeira entrevista coletiva após a confirmação de sua eleição ao Governo.
Caiado também falou do momento histórico de uma eleição no primeiro turno, fato que não acontecia desde 1990 em Goiás. Ele ressaltou que seu trabalho será feito com transparência, eficiência e foco central no povo goiano. “Quero agradecer o povo de Goiás neste momento chegando ao Governo de Estado no primeiro turno. E é histórico já que a última eleição ocorreu em 1990 e responsabilidade nossa é enorme em deixar claro que nós queremos construir um Governo com ações, com resultados que o foco principal seja o cidadão goiano. Podem ter certeza absoluta que nós cobraremos eficiência, transparência, gestão pública de qualidade e um processo de total pacificação no Estado de Goiás’, disse.
A seguir, os principais trechos da entrevista:

Governar para todos
“O patamar que nós atingimos nessa eleição ganhando no primeiro turno mostra que, a partir de agora, nós somos governador de todo o Estado de Goiás e pode saber que, no nosso Governo, não terá espaço para divisão. Saberei entender e como sempre souber entender e respeitar posição, mas eu chamarei para o bom debate com argumentos, com conteúdos, com dados, com informações”.

Transição
“Recebi uma ligação do governador mais ou menos às 19h onde amanhã ele me disse que terá uma reunião com todo secretariado. Então, eu solicitei que nós tivéssemos o mais rápido possível montado uma equipe de transição para que os dados fossem repassados a nós e que a nossa equipe já possa iniciar um processo de conhecimento da realidade da situação fiscal do Estado e também das áreas que são relevantes como saúde, educação, segurança pública, programas sociais. Enfim, todas as Pastas do Governo para trabalharmos até o dia 1º de janeiro de 2019”.

Prioridade
“A prioridade no início do Governo, primeiro é resgatar a condição do Estado para que o Estado possa contrair empréstimos, para que o Estado possa ter aval do Tesouro Nacional, para que o Estado volte a entrar num cenário de recuperar as obras paradas, mas ao mesmo tempo iniciar outras necessárias para concluí-as, garantir o pagamento do funcionalismo público, resgatar a condição do hospitais hoje que estão fechando numa condição crítica em relação à Bolsa Universitária, merenda escolar, a segurança pública. São vários os pontos que a gente identificando, vamos buscar uma forma de renegociar dívidas, de saldar débitos imediatos para que as funções do Estado voltem a funcionar 100% a partir do dia primeiro de janeiro”.

Saúde/OS
“Não tem nada contra nenhuma ferramenta, nenhuma OS, nenhuma PPP, não tem nenhum preconceito contra essas ações de Estado para ampliar o atendimento da sociedade. O que nós precisamos é avaliar se aquilo que está sendo repassado tem retorno de qualidade para a sociedade e se não tem ali nenhuma artimanha para poder fazer caixa dois e desvio de verba do Estado. Isso é que tem de ser feito. Qual é o melhor resultado para a sociedade? Como atender agora mais do nunca um Estado que não tem a regionalização da saúde? Precisamos buscar uma estrutura para o Estado. Vamos aguardar o Estado ter capacidade de investimento? Temos que ter a capacidade de buscar junto aos meus colegas médicos uma participação maior, os especialistas no interior dando sustentáculo que as pessoas não fiquem 700, 800 quilômetros de distância de um leito de UTI. Esta é uma ação que nós sabemos fazer e que vamos fazer”.

Publicidade
“Gasto com publicidade é um gasto que não é feito para enaltecer o governante muito menos o seu Governo. Gasto com publicidade é para buscar cada uma das pessoas envolvidas com ação direta área da saúde, explicar os problemas daquele momento, como vacinação de poliomielite, fazer com que a área da cultura possa se expressar, área do turismo possa ter um espaço para mostrar Goiás, mostrar a nossa agropecuária”.

Perfil
Natural de Anápolis, Ronaldo Ramos Caiado nasceu em 1949. É médico ortopedista formado há 43 anos pela Universidade Federal do Rio do Janeiro e tem especialização em cirurgia da coluna pelo Serviço de Cirurgia Ortopédica e Traumatológica do Professor Roy-Camille, em Paris, França. É também produtor rural. Casado com Gracinha Caiado, é pai de quatro filhos: Ronaldo Filho, Anna Vitória, Maria e Marcela.
Concorreu seu primeiro cargo eletivo em 1989, quando disputou a presidência da República. O primeiro mandato foi conquistado em 1991 quando se elegeu deputado federal. Também concorreu ao Governo de Goiás em 1994. Em 1999, voltou a Câmara Federal e foi reeleito em 2003, 2007 2011, completando cinco mandatos como deputado. Em 2014, foi eleito senador da República com 1.283.665 votos. Neste domingo, após mais de 30 anos na vida pública, seu elegeu governador de Goiás com mais de 1,7 milhão de votos.
Durante seus mandatos no Congresso Nacional presidiu comissões, como a de Agricultura e foi líder da bancada na Câmara duas vezes e esteve à frente os parlamentares do partido em seus quatro anos no Senado. 
Foi um dos criadores da Frente Parlamentar de Apoio à Agropecuária (bancada ruralista). Esteve à frente de todas as mobilizações do setor rural desde a Constituinte quando foi garantido o direito de propriedade. É autor da PEC 454/2009 criando a carreira de Médico de Estado que está pronta para ser votada na Câmara dos Deputados. A mesma PEC foi reapresentada no Senado Federal. Foi ainda autor da emenda que garantiu 25% dos royalties do petróleo do pré-sal para saúde e educação e relator da Reforma Política quando era deputado. No Senado, foi um dos principais articuladores que permitiu a aprovação da convalidação dos incentivos fiscais, fundamental para manter 400 mil empregos em Goiás. Também relatou projeto aprovado que institui uma política de assistência a pacientes com doenças raras.

---


Voto Uruaçu tem...

...E muito. Confira quem recebeu votação na cidade nortense (os que levam a letra E na frente do nome do partido foram eleitos ou reeleitos).
31? 16? 31? 3? 1? 11? 36? 63? Não! 316. Isso: 316 candidatos a deputado estadual foram votados dentro de Uruaçu dia 7 de outubro.
O JORNAL CIDADE respeita e aplaude a democracia, a liberdade, também entende e sabe como funciona o sistema eleitoral brasileiro. Envolvendo a Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, a reportagem Para a Assembleia, eu vou votar em... (edição 288) destacou quatro candidatos residentes em Uruaçu e dois de grande identificação com Uruaçu.
Uma maneira de incentivar o eleitorado votar em um dos seis. Esse foi um dos objetivos, ao mesmo tempo em que a publicação alertava que mais ou menos 200 concorrentes ao Palácio Alfredo Nasser tendiam ganhar votos em Uruaçu, fenômeno visto em campanhas eleitorais anteriores.
Pois bem! 316 ganharam votação na cidade do Norte. Cidade: Uruaçu... Sem deputado estadual. Norte do Estado: também sem deputado estadual.
Falta bairrismo maior (no bom sentido)!
316! Terra de ninguém?



MACHADINHO PODE
37,42% 7.070
ELIANE PINHEIRO PSDB
17,68% 3.340
DHONE RODRIGUES SD
3,86% 730
DR. CLAUDIO BRANDÃO PMB
1,98% 375
XUXA PSL
1,91% 360
BRUNO PEIXOTO MDB E
1,71% 323
VIRMONDES CRUVINEL PPS E
1,68% 318
TALLES BARRETO PSDB E
1,46% 275
SANTANA GOMES PDT
0,98% 186
JÚLIO DA RETIFICA PTB
0,85% 161
AMIGO SIRLEY CAMPOS PATRI
0,77% 146
PAULO TRABALHO PSL E
0,76% 143
MAURO RUBEM PT
0,66% 125
MAJOR ARAUJO PRP E
0,65% 123
KARLOS CABRAL PDT E
0,62% 118
EMERSON DA AUTOVIP PSC
0,61% 115
JULIO PINA PRTB E
0,61% 115
ANTÔNIO GOMIDE PT E
0,60% 113
CHANTER LANE PATRI
0,59% 111
CABO SENNA PRP
0,58% 109
CHARLES BENTO PRTB E
0,58% 109
JEFERSON RODRIGUES PRB E
0,58% 109
GILMAR CARVALHO PROS
0,56% 105
HENRIQUE CESAR PSC E
0,52% 99
FREDERICO NASCIMENTO PROS
0,47% 88
ANDERSON MARTINS DEM
0,46% 86
DR. HELIO DE SOUSA PSDB E
0,45% 85
CLÉCIO ALVES MDB
0,41% 78
CARLOS ANTONIO PTB
0,39% 73
CAIRO SALIM PROS E
0,38% 71
RUBENS MARQUES PROS E
0,25% 47
MORGANA RIBEIRO PMN
0,25% 47
KEITHE AMORIM PSL
0,24% 45
ZE DA IMPERIAL PSC
0,24% 45
PROFESSOR LUCIANO PMN
0,23% 44
LINEU OLIMPIO PTB
0,22% 42
AILTO MACHADO SD
0,22% 41
DELEGADA ADRIANA ACCORSI PT E
0,21% 39
TATIANA LEMOS PCdoB
0,19% 35
TELES JUNIOR PMN
0,19% 35
LUCAS CALIL PSD E
0,18% 34
ADRIANA DO GRIMALDI PODE
0,17% 33
DELEGADO EDUARDO PRADO PV E
0,16% 31
THIAGO ALBERNAZ SD E
0,15% 29
PROFESSOR DALSON PATRI
0,14% 26
FELIZBERTO TAVARES PR
0,14% 26
RAFAEL GOUVEIA DC E
0,14% 26
VALDOMIRO BORBA REDE
0,13% 25
COMANDANTE HELBINGEN PROS
0,13% 25
FRANCISCO OLIVEIRA PSDB
0,13% 24
GERTRUDES GUIMARÃES SD
0,13% 24
RÔMULO DOMINGUES PHS
0,13% 24
LUIZA DA AGRICULTURA FAMILIAR PP
0,12% 23
WAGUINHO MDB
0,12% 23
DONIZETE CABRITO PSC
0,12% 22
RODRIGÃO SD
0,12% 22
DR. WESLEY MEDEIROS PTB
0,12% 22
DR. ÍCARO BRAGA SD
0,11% 21
RAFAEL LOUSA PSDB
0,11% 20
ELI ROSA PODE
0,10% 19
JOÃO BOSCO UCHOA (BOSQUINHO) SD
0,10% 19
DELEGADO HUMBERTO TEÓFILO PSL E
0,10% 19
DESIREE DEM
0,10% 19
GUTO VERONEZ PRP
0,10% 18
AAVA SANTIAGO AVA
0,10% 18
ANDERSON MOTA DC
0,09% 17
NEDIO LEITE PSDB
0,08% 16
SARGENTO ROCHA REDE
0,08% 16
JOSE DE LIMA PDT
0,08% 15
CLAUDIO MEIRELLES PTC E
0,08% 15
PAULINHO GRAUS PDT
0,08% 15
SERGIO BRAVO PROS
0,08% 15
VALDIR JÚNIOR REDE
0,08% 15
FERNANDO CARDOSO PMN
0,08% 15
ABDUL SEBBA PSL
0,07% 14
TIÃO CAROÇO PSDB E
0,07% 14
PAULO CEZAR MARTINS MDB E
0,07% 14
LUCINHA PRP
0,07% 14
DR PAULO DAHER DEM
0,07% 14
JOEL MARINELLI PATRI
0,07% 14
JOÃO GOMES PSDB
0,07% 13
DINO AYRES DEM
0,07% 13
VINICIUS CIRQUEIRA PROS E
0,07% 13
DIEGO SORGATTO PSDB E
0,07% 13
CORONEL VIVEIROS PDT
0,06% 12
SARG. MÁRIO AUGUSTO PHS
0,06% 12
DUDU MACEDO PATRI
0,06% 12
MAX MENEZES MDB
0,06% 12
LÍLIAN MORAIS PSL
0,06% 12
DIVINO ETERNO REDE
0,06% 11
CORONEL ADAILTON PP E
0,06% 11
WESLEY DE SOUSA PATRI
0,06% 11
AMILTON FILHO SD E
0,06% 11
JOSÉ ESSADO DC
0,05% 10
INSP. NEWTON MORAIS SD
0,05% 10
HUMBERTO AIDAR MDB E
0,05% 10
WILDE CAMBÃO PSD E
0,05% 10
ODAIR DE AMORIM PP
0,05% 10
POLICIAL FEDERAL SUENDER PRP
0,05% 10
SIMEYZON SILVEIRA PSD
0,05% 10
WAGÃO CAMARGO PSL
0,05% 9
JACQUELINE VIEIRA PP
0,05% 9
DIRCEU PEREIRA PDT
0,05% 9
LUIZ STIVAL ( LUIZINHO) PPS
0,05% 9
EDIMAR PIRES PPS
0,05% 9
CAPITAO TARLEY PROS
0,05% 9
NETO KARFAN PR
0,05% 9
LYVIO LUCIANO PODE
0,04% 8
TULIO ISAC PP
0,04% 8
GUTO ARAUJO PODE
0,04% 8
MARCOS PERNANBUCO PDT
0,04% 8
DELEGADO CRISTIOMÁRIO PSL
0,04% 8
AMAURI RIBEIRO PRP E
0,04% 8
JOSÉ OTÁVIO PSL
0,04% 8
HUGO BALTHAZAR PRTB
0,04% 8
GUSTAVO SEBBA PSDB E
0,04% 8
JU MARTINS SD
0,04% 8
DELEGADO ÁLVARO CÁSSIO PROS
0,04% 7
MAURICIO VELLOSO PMN
0,04% 7
CICERO GONZAGA PTC
0,04% 7
DRA. CRISTINA PSDB
0,04% 7
ARMANDO VERGÍLIO SD
0,04% 7
DR. ANTONIO OTONI PSD
0,04% 7
ALEXANDRE TOP TREINAMENTO DC
0,04% 7
DOUTORA ALESSANDRA JACOB PODE
0,04% 7
DR. FERNANDO PELLOZO PP
0,04% 7
PAULO ROGERIO PMN
0,04% 7
DR FERNANDO CURADO PATRI
0,04% 7
HENRIQUE ARANTES PTB E
0,04% 7
PAULO HENRIQUE MAGALHÃES PMN
0,04% 7
DONALVAM DEM
0,04% 7
LÊDA BORGES PSDB E
0,03% 6
OZAIR JOSÉ MDB
0,03% 6
DR. ANTÔNIO DEM E
0,03% 6
MIGUEL MARRULA DC
0,03% 6
DRA. LÍRIA PSL
0,03% 6
GILSON ROSA PSL
0,03% 6
GUGU NADER PTB
0,03% 6
JEAN CARLOS PTB
0,03% 6
ALYSSON LIMA PRB E
0,03% 6
RODRIGO AZEVEDO DC
0,03% 6
CABO GLACIEL PSL
0,03% 6
EDUARDO AIRES PROS
0,03% 6
MANÉ DE OLIVEIRA PSDB
0,03% 5
DELEGADO FEDERAL HUMBERTO PSL
0,03% 5
DENÍCIO TRINDADE SD
0,03% 5
ADEMIM DEPUTADO PT
0,03% 5
PAULINHO DA EPP PSC
0,03% 5
CLEIDINHA MARTINS PSB
0,03% 5
EDINA GOULART PV
0,03% 5
CARLINHOS DO EGITO DC
0,03% 5
LUIZ SAMPAIO DC
0,03% 5
BISINOTTO PHS
0,03% 5
LISSAUER VIEIRA PSB E
0,03% 5
DR. SAMUEL GEMUS SD
0,03% 5
GEOVANNA XAVIER PSOL
0,03% 5
CAMILA CAMPOS PSOL
0,03% 5
MAYCLLYN CARREIRO PRTB
0,03% 5
DR. VAVÁ PSDB
0,02% 4
PROFESSOR EDSON BENTO PSC
0,02% 4
PROFESSORA LUCIMAR PT
0,02% 4
ROSANGELA REZENDE MDB
0,02% 4
DR. FÁBIO LÔBO PSL
0,02% 4
ELISANGELA DRA SELVAGEM PRP
0,02% 4
DELEGADO RAFAEL PSL
0,02% 4
DANILLO LUZIANO PDT
0,02% 4
THIAGO MAGGIONI PSDB
0,02% 4
NARA COUTRIN PSL
0,02% 4
AMANDA PRP
0,02% 4
MARÃO DO GESSO PSL
0,02% 3
MABEL BONFIM PDT
0,02% 3
JOSE CAMELO (LELECO) PODE
0,02% 3
WENCESLAU BRAZ PHS
0,02% 3
CARLIM DO TRATOR PHS
0,02% 3
PROF DUMAS AVA
0,02% 3
SGT SERAFIM PSL
0,02% 3
IZONEL LIRA PSL
0,02% 3
APOSTOLO GENIVALDO DC
0,02% 3
PASTOR GIL LAPIDANDO TESOUROS PHS
0,02% 3
HYLÁRIO GÁS SD
0,02% 3
MARINHO CÂMARA SD
0,02% 3
GISELDA MARTINS PATRI
0,02% 3
SIRILO PATRI
0,02% 3
DARLAN CANARINHO DC
0,02% 3
MATEUS FERREIRA PT
0,02% 3
FLOR PMN
0,02% 3
FREDERICO BISPO PATRI
0,02% 3
JESSICA SANTANA PSOL
0,02% 3
JOÃO PUCINELLI PSOL
0,02% 3
NICOLAS PCB
0,02% 3
ISO MOREIRA DEM E
0,01% 2
CECÍLIA DO CEVAM PPS
0,01% 2
TANNER DE MELO PRTB
0,01% 2
GLORIA R.RASSI PRTB
0,01% 2
DEUSMAR DEM
0,01% 2
HELIO PEIXOTO PSL
0,01% 2
RAEL AMIGO FIEL REDE
0,01% 2
JOÃOZINHO GUIMARÃES PHS
0,01% 2
DR. VERÍSSIMO DEM
0,01% 2
ODILON DE OLIVEIRA DEM
0,01% 2
GLEISON FLÁVIO MDB
0,01% 2
MANOEL PDT
0,01% 2
ESTER QUILOMBOLA PT
0,01% 2
ADILSON GUIMARAES PATRI
0,01% 2
LUÍS DE AQUINO PHS
0,01% 2
SILVEIRA ALVES PDT
0,01% 2
CARLOS DO ITAPUÃ PT
0,01% 2
PAULO ALVES PT
0,01% 2
LAURENCIO MESSIAS - FUKINHA DC
0,01% 2
ROBERTINHO DO TÁXI PSL
0,01% 2
AFRÂNIO PIMENTEL PP
0,01% 2
EZIEL SANTIAGO PMN
0,01% 2
VIVIANE LEÃO MIRANDA MDB
0,01% 2
MARQUIM QUIRI PSL
0,01% 2
LEANDRO SENA PATRI
0,01% 2
RICARDO DA CARPA PROS
0,01% 2
LUCAS SOUZA PSC
0,01% 2
WILSON FONSECA PROS
0,01% 2
NELIO LIMA DEM
0,01% 2
WANDERSON LIMA PSL
0,01% 2
KEYLLA DC
0,01% 2
AURÉLIO FÁBIO PTB
0,01% 2
MARTIVONE PATRI
0,01% 2
PATRICIA ALENCAR PMN
0,01% 2
DIONE NAVES AVA
0,01% 2
CASSIO JR SD
0,01% 2
ALAN PATRICK PROS
0,01% 2
JOAO LUIS PEREIRA PSOL
0,01% 2
THARLES LEONEL PSL
0,01% 2
WAGNER NETO PATRI E
0,01% 2
MONALISA DEM
0,01% 2
CABO SIMÃO PSL
0,01% 2
BRUNO MANOEL PROS
0,01% 2
CIBELLY DO FREDE DEM
0,01% 2
AGENTE THALITA OLIVEIRA PSL
0,01% 2
MATHEUS RAMOS PSDB
0,01% 2
DR MANOEL PSB
0,01% 1
GUILHERME FAYAD DEM
0,01% 1
ANTONIO PEREIRA - AGRO PMN
0,01% 1
ELIAS DAHER PP
0,01% 1
PROFESSOR BENÉ PSOL
0,01% 1
PAULINHO MARMORARIA PDT
0,01% 1
ODLON CUNHA PRP
0,01% 1
MIRIAM PINHEIRO PHS
0,01% 1
HUGO BATISTA DA LUZ DEM
0,01% 1
DR. ANTÔNIO TELES PCdoB
0,01% 1
WILSON DE SOUZA PROS
0,01% 1
DENIZAR A TRIBUNA PTB
0,01% 1
MURILO DA REFRIAR PSL
0,01% 1
MARLÚCIO PEREIRA PRB
0,01% 1
CORONEL BELELLI PR
0,01% 1
DAGOBERTO DE MENEZES PSD
0,01% 1
ARNALDINHO PSOL
0,01% 1
JOECY MACHADO SD
0,01% 1
FREI VALDAIR VALDAIR JESUS DC
0,01% 1
ELVIRA PEREIRA PSC
0,01% 1
DIVINO RODRIGUES PRB
0,01% 1
MARLENE MARIA PR
0,01% 1
ZENI PODE
0,01% 1
KÁTIA CARVALHO SD
0,01% 1
MAJOR DAVI PIRES PP
0,01% 1
IRMÃ CIDA PODE
0,01% 1
NEIA SILVA PATRI
0,01% 1
JP PDT
0,01% 1
KLEIBINHO PMN
0,01% 1
FABIO QUEIROZ PHS
0,01% 1
PROFESSORA EDNA DC
0,01% 1
CELINO CORREA SD
0,01% 1
JONAS DA YKARAÍ PSD
0,01% 1
RUTH BENTO PSDB
0,01% 1
JUNISMAR FERNANDES DC
0,01% 1
ELENIR TAVARES PV
0,01% 1
SUBTENENTE SOUZA PROS
0,01% 1
GILMAR NUNES MDB
0,01% 1
TUKINHA PSB
0,01% 1
LUCÍULA CASCÃO PSD
0,01% 1
SILVANA GOMES PODE
0,01% 1
ÂNGELA PESSOA PTB
0,01% 1
EVERSON LIDER CELULARES SD
0,01% 1
SANDDRO LIB PODE
0,01% 1
CARLOS LACERDA PT
0,01% 1
JÂNIO FERNANDES SD
0,01% 1
PROFESSOR AMAURI PROS
0,01% 1
DOMINGOS LEMOS PTC
0,01% 1
CESINHA PROS
0,01% 1
ISMAEL ALVES DA COMURG DC
0,01% 1
BIL PSD
0,01% 1
DR. ROBERTO MARTINS PODE
0,01% 1
ADENILSON TRINDADE PRP
0,01% 1
PROFESSORA LUCELIA PATRI
0,01% 1
FABIANO LUIZ DC
0,01% 1
ALINE GOMIDES PSB
0,01% 1
MÁRCIO MARTINS PT
0,01% 1
PASTOR SEMAIAS PEREIRA PSL
0,01% 1
DELL CAVALCANTE DC
0,01% 1
RENATA RODRIGUES SD
0,01% 1
PROFESSOR THIAGO SIMÕES MDB
0,01% 1
ANNA GEMMA PSL
0,01% 1
PAULINHO BARROS PP
0,01% 1
WEBER MARTINS SD
0,01% 1
THIAGO CARRIJO DC
0,01% 1
DELEGADO FELIPE SOCHA PSD
0,01% 1
WEMERSON RAIO DE SOL DEM
0,01% 1
SUZANA CARVALHO PT
0,01% 1
PROFESSORA INGRID PDT
0,01% 1
LORRANE MELO DEM
0,01% 1
KEDMA KAREN PT
0,01% 1
ISRAEL LUIZ PR
0,01% 1
MAYARA MONTALVÃO PSL
0,01% 1
ANA MACHADO MDB
0,01% 1
DIEGO RODRIGUES PHS
0,01% 1
JEOVANCA NASCIMENTO PMN
0,01% 1
JOÃO PAULO CAVALCANTE PSL
0,01% 1
MARIANA MAIA PCO
0,01% 1
LUIS HENRIQUE PSL
0,01% 1
RENAN GAMA PSL
0,01% 1
***ADEMIR MARGASSA (Patriotas) e outros muitos que registraram candidaturas aparecem com votação zerada (0,00% 0). Em seguida, destaque aos que disputaram vagas para deputado federal.  Informações: Tribunal Superior Eleitoral (TSE).


Bancada federal goiana renovada
Os 17 deputados federais que integrarão a bancada goiana no Congresso receberam votos em Uruaçu. Eis a votação deles na cidade do Norte de Goiás, que cedeu votos para 134 concorrentes à Casa de Leis federal. 

Lucas Vergilio (Solidariedade) (reeleito)
18,67% 3.440 votos
Delegado Waldir Soares (PSL) (reeleito)
7,44% 1.370
Francisco Jr. (PSD) (eleito)
5,07% 934
Zé Mário Schreiner (Democratas) (eleito)
4,11% 758
José Nelto (Podemos) (eleito)
3,40% 626
Rubens Otoni (PT) (reeleito)
2,58% 476
Glaustin da Fokus (PSC) (eleito)
2,54% 468
Magda Mofatto (PR) (reeleita)
2,46% 454
Flávia Morais PDT (reeleita)
2,37% 436
João Campos (PRB) (reeleito)
1,81% 333
Professor Alcides Ribeiro (PP) (eleito)
1,80% 332
Elias Vaz (PSB) (eleito)
1,72% 317
Doutor Alcides Rodrigues (PRP) (eleito)
1,50% 276
Major Vitor Hugo (PSL) (eleito)
0,50% 93
Doutor Zacharias Calil (Democratas) (eleito)
0,46% 85
Adriano do Baldy (PP) (eleito)
0,35% 64
Célio Silveira (PSDB) (reeleito)
0,13% 24
-------------
DR MARCOS VINÍCIUS MDB
17,59% 3.241
JEAN CARLO PSDB
5,83% 1.074
DONA CIDA PROS
2,54% 468
SAMUEL JOSE DOS SANTOS PTC
1,10% 203
JOVAIR ARANTES PTB
0,95% 175
DONA IRIS MDB
0,84% 155
CORONEL ALESSANDRI PSDB
0,82% 152
GIUSEPPE VECCI PSDB
0,50% 92
DEMÓSTENES TORRES PTB
0,48% 89
SGT DENISE BRASIL PSL
0,46% 85
MARCOS ABRÃO PPS
0,38% 70
JOÃO REIS DE ARAÚJO MDB
0,37% 68
FÁBIO SOUSA PSDB
0,30% 55
PROFESSOR ZÉ DO CARMO PT
0,29% 54
WALLACE LANDIM CHORÃO PODE
0,25% 46
PROFº WALTER PAULO PRTB
0,23% 43
DR. ALANO QUEIROZ NOVO
0,22% 41
DOUGLAS BUCALEM PATRI
0,18% 33
DANTE VOLEI MDB
0,17% 32
VALERIANO PODE
0,17% 31
PROFº EDER BENTO NOVO
0,16% 30
EULINA BRITO PSD
0,16% 29
XISTO DAMAS PHS
0,14% 26
BALESTRA PP
0,14% 25
ISAURA LEMOS PCdoB
0,10% 18
CARLINHOS DA FEIRA DEM
0,10% 18
SARGENTO LEANDRO MORO DC
0,10% 18
BILL GUERRA MOCHILINK PTC
0,08% 15
SANDES JUNIOR PP
0,08% 14
PROFESSOR MOACIR PDT
0,08% 14
BENE COSTA MDB
0,07% 13
PANTALEAO PSOL
0,07% 12
ZÉ FREDERICO REDE
0,07% 12
DRA. WDINEIA MDB
0,06% 11
ROSELI DA SAÚDE DEM
0,05% 10
LU DE OLIVEIRA DC
0,05% 10
ALANNA ALBERNAZ PT
0,05% 10
FLAVIA CUNHA DEM
0,05% 9
LANA LUNA PSOL
0,05% 9
DETERNO SILVA PATRI
0,04% 8
KESLEI GALVÃO PRP
0,04% 8
MAJOR ZAMOR PSL
0,04% 7
MARCELITA MANZE PV
0,03% 6
TCHEQUINHO MDB
0,03% 6
CARLOS PEDROSA PSC
0,03% 6
EMERSON SALSICHA PT
0,03% 6
PROFESSOR JULIO ANDERSON PT
0,03% 6
EDUARDO BORGES NOVO
0,03% 6
MAGNO RAMOS AVA
0,03% 6
PROFº LUCIANO CAIXETA PV
0,03% 5
ISABEL CRISTINE PT
0,03% 5
FABRICIA DO TAXI PSD
0,03% 5
VICTOR LUSTOSA PSD
0,03% 5
HELIO RODRIGUES NOVO
0,02% 4
WILLIAN LUDOVICO AVA
0,02% 4
CASTELO BRANCO PV
0,02% 4
J MEDEIROS PSL
0,02% 4
JOELMA AGUIAR PTC
0,02% 4
ALESSANDRA MINADAKIS PSOL
0,02% 4
REGINA DO SOCIAL PSC
0,02% 4
SÂMELA LACERDA PSL
0,02% 4
ELIANA SARMENTO NOVO
0,02% 3
NELSON GALVÃO PT
0,02% 3
DARIO PAIVA AVA
0,02% 3
DORA ARRIEL MDB
0,02% 3
KELLY AFIUNE DC
0,02% 3
DILVO CONSTANTINO PSL
0,02% 3
PROFESSOR MASCOTE PSOL
0,02% 3
CARLOS ALBINO PTB
0,02% 3
ANNA PODESTÁ REDE
0,02% 3
ANDRIELE QUALHATO PCB
0,02% 3
JHOE SANTOS PSOL
0,02% 3
HERMES TRALDI PMN
0,01% 2
ITAMAR PRP
0,01% 2
DARIA CRISTINA PHS
0,01% 2
GERALDO ROCHA PHS
0,01% 2
SUBTENENTE GILSON GOMES REDE
0,01% 2
JEOVAN FARMACEUTICO PHS
0,01% 2
PROFESSOR SILVÉRIO PV
0,01% 2
CORONEL CAIXETA DC
0,01% 2
JEOVANE LOPES PHS
0,01% 2
EMPRESÁRIO CHICO LEITE PATRI
0,01% 2
LUCIANO DA AMBULÂNCIA MDB
0,01% 2
DJ DUDA PSL
0,01% 2
MESSIAS PRETO ACS PSOL
0,01% 2
JOÃO SANTANA DC
0,01% 2
DR. WILMAR PTC
0,01% 1
FERNANDO CONTART PSB
0,01% 1
GERALDO NUNES (GERALDINHO) PT
0,01% 1
EDSON AUTOMÓVEIS PMN
0,01% 1
ROBERTO GOMES REDE
0,01% 1
RENER BILAC AVA
0,01% 1
ELIZABETH NUNES DOS SANTOS PSOL
0,01% 1
MARCELO AUGUSTO PHS
0,01% 1
PROFº JOÃO RODRIGUES PT
0,01% 1
LILIA MONTEIRO REDE
0,01% 1
APÓSTOLA JACQUELINE PRTB
0,01% 1
DAVI CAMINHONEIRO PSL
0,01% 1
GISZELLE PESSOA DC
0,01% 1
LUCIANO LIMA PTC
0,01% 1
MARCELO CURICAS PRTB
0,01% 1
LUDYMILLA DAMATTA PSD
0,01% 1
CRIS BORGES PHS
0,01% 1
RUBIA MARIA PATRI
0,01% 1
PATRICK MEDEIROS PSC
0,01% 1
EDUARDINHO DA COMURG PATRI
0,01% 1
GLEITON MDB
0,01% 1
FERNANDA SHALLOM PRP
0,01% 1
DR. OSÓRIO PHS
0,01% 1
NADYENE DA BATERIA PHS
0,01% 1
DAMIÃO DA MORADIA PHS
0,01% 1
MARIO QUEIROZ (JUDICIALIZAÇÃO) PHS
0,01% 1
PROFESSORA ÉRIKA NUNES PCO
0,01% 1
THAIS CRISTINA PSOL
0,01% 1
MIRELLI UANA REDE
0,01% 1
SAMANTHA VEIGA PMN
0,01% 1
GUILHERME DA SAÚDE PT
0,01% 1
***ALEX MEIRELES (Patriotas) e outros muitos que registraram candidaturas têm votação zerada (0,00% 0). – Informações: Tribunal Superior Eleitoral (TSE).